vazou um tequinho de peça nova

Tá bom, eu não aguento. vou publicar só um pedacinho – mas ainda é segredo, não conta. tá bem no começo.

Reverberavam, sentados, lado a lado, escondendo do outro e de si, sem mais poder esconder nada. Ela ria alto, sem freio, deixando escapar parte da ânsia entre os dentes cerrados, tentando frear o inevitável. Olhos se cruzavam rápidos, se demorassem um segundo mais seria fatal, o silêncio não deixaria rotas de fuga. Falavam, então. Cantavam, às vezes, gargalhavam sempre, sempre, evitando as pausas do pós-gozo do riso com novas piadas ou uma súbita seriedade, como se houvesse algo mais sério que a incontrolável entrelinha que, furiosa, cavava espaço.

Enfim, aconteceu.

Foi descuido, depois da décima nona gargalhada, exaustos de tanto achar graça das coisas. Sabiam o perigo da pausa, da brecha que levaria ao portal. Era esse o momento de um tema corriqueiro que se esvaneceu, mas podia ter continuado, havia ainda tanto a se falar, o tempo anda muito instável, na pior das hipóteses teriam assunto. Mas naquele momento, cientes de todo o resto que viria, calaram. E a onda de torpor cobriu a atmosfera de um cheiro doce, irresistível, ainda que ainda resistissem. Antes de tudo, tocaram-se com a densidade do silêncio. Um silêncio aveludado, que fazia cócegas na nuca, que trazia cargas elétricas espinha acima, que tornava líquida, cada vez mais úmida, a fronteira. Não precisaram trocar olhares, trocaram ouvidos. Ficaram ali, em silêncio, amando-se na atmosfera, perderam noção da hora. De ouvir o silêncio, passaram a escutar o ar que respiravam, e sem perceber conspiravam em ritmos alternados, como partes complementares de coisa só. Entoavam um canto ritual, chamado. Sorriam sem se olhar, sabendo que o outro também sorria, provavelmente na exata mesma hora. Eram somente música, e uma só, entoando pelo espaço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s